o que fazer em curitiba

Está programando uma viagem a Curitiba? Elaboramos um guia com várias dicas de viagens e o que fazer em Curitiba

Curitiba, capital do Paraná, é um destino excelente para quem curte história, arquitetura e natureza. A cidade é belíssima e pode ser conhecida em uma viagem de fim de semana ou feriado prolongado. Os atrações concentram-se em áreas centrais e podem ser conhecidas sem muita dificuldade. 

Além disso, a capital paranaense conta com ótima estrutura de transporte, que inclui um ônibus turístico que passa pelos principais pontos turísticos. Mas se você quer conhecer a fundo a cultura curitibana, vale a pena apostar em uma viagem mais longa. E a cidade não vai te decepcionar, há muito o que fazer em Curitiba. Você vai se surpreender.

O que fazer em Curitiba

 

Foto: Camila Figueiredo / Wikimedia Commons

Não se preocupe em escolher o que fazer em Curitiba. A cidade é bem organizada e acolhedora. E a prova disso é que muitos moradores se voluntariam para apresentar os principais pontos aos turistas, o famoso Free Walking Tour. 

Há ainda tour pagos que podem ser feitos de bicicleta – Kuritbike -, pelos principais bares e botecos – o Tour Comida de Boteco – e pelas cafeterias e confeitarias – o Curitidoce. 

  • Centro histórico de Curitiba

Para entender um pouco da história da capital paranaense, o melhor lugar é o centro histórico de Curitiba. Entre ruas de pedras e casarios coloniais dos séculos XVIII e XIX, é possível encontrar registros dos tempos em que a cidade era a Vila de Nossa Senhora da Luz dos Pinhais.

O centro abriga igrejas centenárias, como a Igreja da ordem Terceira de São Francisco de Chagas, onde fica o Museu de Arte Sacra, e a Igreja de Nossa Senhora do Rosário de São Benedito. Além de diversas casas e museus, com destaque para a Casa Romário Martins, o Solar do Barão, a Casa Vermelha, o Paço da Liberdade e o Palácio Giuseppe Garibaldi. 

  • Centro cívico

Outro ótimo lugar para visitar e conhecer mais de Curitiba é o centro cívico. Lá ficam o Largo da Ordem, que reúne construções históricas e murais de arte de rua, o Palácio Iguaçu e a sede da Prefeitura de Curitiba.

A região ainda abriga a Biblioteca Pública do Paraná, a galeria Rua 24 Horas, a Catedral de Curitiba e a Praça Tiradentes – marco zero da cidade. Além da praça Santos Andrade, onde fica o Centro Cultural Teatro Guaíra.

  • Museu Oscar Niemeyer

Há muitos museus em Curitiba, mas nenhum deles chama tanto a atenção como o Museu Oscar Niemeyer, também conhecido como Museu do Olho. O motivo é a arquitetura que, de fato, lembra um grande olho. E não poderia ser diferente, o lugar com o nome do famoso arquiteto tem que fazer jus à sua história e obra.

O museu abriga várias exposições, além de ter um acervo fantástico. Localizado no centro de Curitiba é bem fácil de se visitar. 

  • Jardim Botânico de Curitiba

Mesmo sem ter ido à capital paranaense, com certeza você conhece a estufa de vidro do Jardim Botânico de Curitiba. E não é para menos, sempre que se fala nela, a imagem do local é a primeira que vem à mente. Afinal, é o principal cartão-postal e um dos lugares mais procurados por quem visita a cidade.

Mas não é só a estufa que se pode ver no Jardim Botânico. O parque tem 245 mil metros quadrados de lindos jardins floridos, entre cantos para piqueniques e incríveis cenários para fotos. A estufa de vidro, inspirada no Palácio de Cristal de Londres, abriga plantas tipicamente tropicais. O Jardim das Sensações leva o visitante a uma viagem sensorial entre aromas e texturas. 

  • Ópera de Arame

O famoso teatro de Curitiba é um dos símbolos da cidade. Sua arquitetura é belíssima e fica ainda melhor com a vegetação que a cerca. É um ótimo passeio para quem gosta de arte e natureza enquanto curte uma ótima música.

No local, o projeto Vale da Música permite que diversos artistas se apresentem em um palco flutuante, de terça a domingo. Há, ainda, um restaurante com um cardápio bem variado em um ambiente acolhedor.

  • Parque Tanguá

Quando se pensa no que fazer em Curitiba, o Parque Tanguá está entre os primeiros pontos para se visitar. Suas torres são perfeitas para curtir o final de tarde e um lindo pôr do sol. Já na parte externa, é possível caminhar em meio à natureza.

  • Bosque Alemão

Para quem preza por muito contato com a natureza, o Bosque Alemão é excelente destino em Curitiba. As construções alemãs se misturam como uma natureza exuberante. Além disso, mirantes permitem avistar toda a cidade. O local ainda tem uma trilha que simula o conto João e Maria, dos irmãos Grimm.

  • Parques de Curitiba

Curitiba tem muitos parques e, se você tiver tempo ao passar por lá, vale conhecer todos eles. Além do Jardim Botânico, do Parque Tanguá e do Bosque Alemão, podemos destacar o Parque Passeio Público (o primeiro de Curitiba), o Parque Barigui, o Parque Tingui, o Bosque do Papa João Paulo II e a Unilivre.

Cada um com sua particularidade e atrações, os parques proporcionam experiências incríveis para quem visita a capital paranaense.

  • Museus

Do mesmo modo, os museus estão espalhados por Curitiba. Alguns podem ser visitados juntamente com os parques que os abrigam, como o Memorial Ucraniano, no Parque Tingui, e o Museu do Automóvel, no Parque Barigui.

Outros podem ser visitados em outros pontos da cidade, como é o caso do Museu Ferroviário, que fica no Shopping Estação. Ou o Museu Paranaense e o Memorial de Curitiba, que ficam na região central.

A cidade tem ainda os museus do Holocausto, Imagem e Som, Arte Contemporânea e Egípcio.

  • Oi Torre Panorâmica

A Oi Torre Panorâmica tem mais de 100 metros de altura e oferece uma visão 360 graus de Curitiba. O mirante é aberto ao público e a vista vale a pena.

Onde fazer compras em Curitiba

 

o que fazer em curitiba
Foto: Vinicius Brasil / Unsplash

Como toda boa metrópole, não faltam lugares para fazer compras em Curitiba. Desde shoppings à lojas de rua, feiras livres e de artesanato. 

O Mercado Municipal é um ótimo lugar para quem quer comprar iguarias da região. Já a Rua XV de Novembro não decepciona quando o assunto é variedade. Enquanto a feirinha do Largo da Ordem atrai turistas que procuram por artesanato. 

A cidade tem, ainda, pelo menos nove principais shoppings, dos mais sofisticados aos populares. Por isso, não deixe de ir às compras em Curitiba e aproveite mais essa atividade nesta capital incrível.

Onde comer em Curitiba

 

o que fazer em curitiba
Foto: Divulgação

Pode até ficar repetitivo, mas a verdade é que, assim como em o que fazer e onde fazer compras, há muitas opções de onde comer em Curitiba.  A capital paranaense tem restaurantes, lanchonetes, bares e cafés para todos os gostos.

E em vários locais: você encontrará onde comer nas praças de alimentação de shoppings, nas ruas do centro e nos bairros. É possível, ainda, experimentar uma deliciosa refeição ao visitar as principais atrações turísticas como, por exemplo, no restaurante do Ópera de Arame.

A gastronomia curitibana reserva algumas surpresas. Não saia da cidade sem experimentar a famosa Carne de Onça. O prato é feito com carne moída crua temperada com sal, pimenta, azeite, cebola, alho e cheiro verde. Um dos pratos típicos da cidade, ao lado do costelão e do pão com bolinho. 

  • Cantinho da Bica

O lugar ideal para provar as delícias de Curitiba é o Cantinho da Bica. O restaurante aconchegante oferece almoço caseiro com os principais sabores da cozinha curitibana.

  • Terrazza 40

Se o seu objetivo é experimentar uma ótima refeição em um lugar incrível e marcante em Curitiba, vá até o Terrazza 40. O restaurante, além de ótima gastronomia, oferece uma vista panorâmica da cidade. 

  • Porcini Trattoria

Uma bela massa italiana pode ser encontrada no Porcini Trattoria. O restaurante serve os pratos italianos clássicos e tem uma adega preparada para os paladares mais exigentes.

  • Yü Cozinha Oriental

A região central de Curitiba tem uma ótima opção para quem gosta de comida japonesa. O Yü abre aos sábados e domingos e serve almoço. 

  • Tuk-Tuk

Mas se o objetivo é comer bem sem gastar muito, conheça o Tuk-Tuk. O restaurante oriental serve comida indiana e tailandesa preparada pelo chef Yuri Ogurtsova. E o melhor: com preço bem acessível. 

  • Ca’dore

A vila gastronômica tem estacionamento próprio, espaço kids e mais de 40 opções de comidas e bebidas. É uma praça de alimentação gigante que oferece o melhor de cada tipo de culinária a preços justos.

  • Whatafuck

Quer comer um lanche enquanto bate um papo com os amigos? Conheça o Whatafuck, um lugar descolado que oferece bons lanches a preços baixos.

Onde se hospedar em Curitiba

 

o que fazer em curitiba
Foto: Ricardo Salvatierra / Unsplash

Também não é uma tarefa difícil encontrar onde se hospedar em Curitiba. Há opções para todos os gostos, desde hospedagens mais glamurosas a pequenas e descoladas. Também há alternativas para quem não pode gastar muito ou para quem não se importa pagar para ser muito bem servido.

A cidade tem três áreas onde concentram-se hotéis, pousadas e hostels: o centro, o centro histórico e o bairro Batel. 

O centro abriga a maior parte dos hotéis, justamente porque facilita o acesso às principais atrações turísticas. A região é favorecida também por concentrar bares, restaurantes, shoppings e os principais transportes da cidade. Contudo, a segurança é uma preocupação de quem fica por lá. Assim como em outras metrópoles, ao anoitecer o centro pode ser perigoso para transitar a pé.

Bem próximo ao centro da cidade, o centro histórico também tem grande oferta de acomodação. Entre vários prédios históricos, a localização também favorece o deslocamento para conhecer os principais pontos da cidade. O lugar é bem animado a noite, quando bares abrem e fazem a alegria dos turistas no entorno do Largo da Ordem.

O clima já é bem mais tranquilo no bairro Batel. Quem se hospedar lá encontrará um bairro refinado, arborizado e com bons restaurantes e cafés descolados. Nele ficam os hotéis com padrão mais elevado de Curitiba.

Booking.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima